Alimentos que contêm gorduras do bem e seus benefícios

730

Ao tomar a decisão de fazer uma dieta, o primeiro pensamento que vem à cabeça é de que muitos alimentos, como os gordurosos, terão que ser retirados do cardápio. Mas isso não é verdade. Vamos te apresentar ao longo deste artigo alimentos que contêm gorduras do bem e seus benefícios para a dieta.

 

Elas são essenciais para o funcionamento do nosso organismo, já que fazem parte da construção de membranas, neurônios, hormônios e servem como fonte de energia dentre outras funções. As gorduras são divididas em saturadas e insaturadas. As saturadas são encontradas em alimentos de origem animal como carnes, ovos, leite e derivados, além de alguns vegetais como o coco e a palma. Elas são essenciais para o bom funcionamento do nosso corpo, desde que sejam consumidas sem exagero.

 

Já as insaturadas estão presentes em maior quantidade em alimentos de origem vegetal como oleaginosas tais como a castanha do pará, castanha de caju, nozes, amêndoas, macadâmia. Em sementes de girassol, abóbora, gergelim, linhaça e chia e óleos azeite, linhaça, girassol, entre outros. Peixes de água fria, como sardinha, salmão, cação também são ricos em gorduras insaturadas e são importantes na prevenção de doenças cardiovasculares, neurológicas e degenerativas.

 

Um estudo realizado por cientistas da Escola de Medicina da Universidade de Harvard e publicado na revista médica “Lancet Diabetes & Endocrinology” mostrou que não existem provas contundentes que sustentem as dietas de redução de gordura.

 

Estudos realizados comparando pessoas com dietas com baixo teor de gordura indicam que além de não perderem peso, esses indivíduos podem perder alguns benefícios importantes desse grupo de nutrientes para a saúde. Além disso, indivíduos com alta ingestão de carboidratos refinados, como pães, massas de farinha branca e arroz branco, acabam tendo índices maiores de desequilíbrios metabólicos, como a resistência à insulina, por exemplo.

 

O estudo comparou mais de 135 mil pessoas em dietas com baixo teor de gordura e baixo teor de carboidratos em 18 países. Os pesquisadores descobriram que nas dietas com baixo teor de gordura houve uma maior probabilidade de morte e doenças cardíacas.

 

As pessoas em dietas com baixo teor de carboidratos, por outro lado, apresentaram risco significativamente menor de ambos os resultados.

 

 Lista de de alimentos com gorduras do bem para acrescentar na dieta:

Nesse caso, é recomendado consumi-lo com moderação, já que pode ter um efeito laxante no organismo.

– Azeite de oliva extra virgem – o azeite de oliva extra virgem pode ser de grande ajuda para as pessoas que desejam baixar de peso. Isso se deve a que ele contribui com uma sensação de saciedade e contém gorduras saudáveis que podem estimular a perda de peso.  Nesse caso, é recomendado consumi-lo com moderação, já que pode ter um efeito laxante no organismo.

 

– Abacate – o abacate é um tesouro de vitaminas e nutrientes importantes para o equilíbrio de um organismo. Ele é rico em sais minerais como Potássio, Ferro, Cálcio e Magnésio. Você poderá usufruir de diversos benefícios do abacate, que veremos mais abaixo, através das vitaminas A, C, E, K e vitaminas de complexo B. Incluir o abacate na alimentação pode trazer inúmeros benefícios devido à sua composição nutricional, rica em gorduras “amigas” e fitonutrientes saudáveis.

 

– Castanhas como avelã, amêndoas, caju, pistache, amendoim e nozes – o consumo diário de castanhas foi associado a uma menor incidência de problemas de saúde, como doenças respiratórias, diabetes, infecções, Alzheimer e problemas renais.

 

– Gordura animal como carnes de todo tipo, bacon de qualidade –  carne vermelha é rica em mioglobulina, que promove o transporte de oxigênio para as células musculares. Permite exercícios mais intensos, dá maior clareza mental e sensação de bem-estar, pois também atua como antidepressivo.

O intestino saudável é capaz de separar o que não nos faz bem e absorver os principais micronutrientes, como as vitaminas.
O intestino saudável é capaz de separar o que não nos faz bem e absorver os principais micronutrientes, como as vitaminas.

– Iogurte natural integral ou caseiro, queijos de todo tipo menos os processados – o consumo regular de iogurte ajuda a recompor as bactérias benéficas da flora intestinal – chamadas probióticos. Elas são verdadeiros soldados lutando para expulsar do organismo as bactérias ‘ruins’. Esses micro-organismos contribuem para aumentar a imunidade. O intestino saudável é capaz de separar o que não nos faz bem e absorver os principais micronutrientes, como as vitaminas.

 

-Coco, leite de coco, óleo de coco – o óleo de coco é um alimento funcional formado por triglicerídeos de cadeia média, que em contato com o estômago se transformam em monolaurina – um potente antibactericida, antifúngico e antiviral, ou seja, age diretamente na imunidade. Ele também é rico em vitaminas lipossolúveis (A,D,E e K), que controlam o colesterol, aumentam o HDL (gordura boa) e reduzem o LDL (gordura ruim), por isso o óleo de coco tem efeito anti-inflamatório e antitrombótico.

 

– Peixes como salmão e cação – ao contrário da maioria das outras gorduras, gorduras ômega-3 são consideradas “essenciais”, ou seja, você deve obtê-las de sua dieta, pois o corpo não pode produzi-la. Embora não haja ingestão diária recomendada desse tipo de gordura, organizações de saúde recomendam que adultos saudáveis recebam ao menos de 250-500 mg de EPA e DHA, por dia. EPA e DHA ajudam a diminuir a inflamação, pressão arterial, reduzem o risco de câncer e melhoram a função das células que alinham as artérias.

 

Lembre-se que o acompanhamento médico é de extrema importância, tendo em vista que qualquer excesso é prejudicial a saúde.

Deixe uma resposta