Conheça os alimentos com maior poder anti-inflamatório

826

Existem alimentos que atuam como antiinflamatórios e contribuem para reduzir a produção de substâncias que estimulam a inflamação e deixam o organismo mais resistente a doenças.

 

Processos inflamatórios tomam parte de um enorme número de doenças, consideradas estas antes como doenças degenerativas ou próprias do envelhecimento, a inflamação veio a se tornar a mais importante explicação.

 

Os especialistas comprovam que uma vida simples, uma alimentação correta aliadas a uma dieta natural, facilitam e estimulam o nosso sistema de defesa, que nada mais é do que a nossa imunidade.

 

Para fortalecer o sistema imune e combater doenças inflamatórias, deve-se ingerir esses alimentos diariamente, comendo peixes de 3 a 5 vezes por semana, adicionando sementes em saladas e iogurtes, e comendo frutas após as refeições ou nos lanches.

Conheça os alimentos que anti-inflamatórios que ajudam a te fortalecer.

1 – Frutas vermelhas
Morango, amora e framboesa não são apenas deliciosos. Por serem frutos com alto nível de antioxidantes, elas também possuem alto poder anti-inflamatório. E ainda são fontes de vitamina C, um importante nutriente para prevenir gripes e resfriados, e de antocianinas, poderosos agentes anti-inflamatórios.

As frutas vermelhas são fontes de vitamina C, um importante nutriente para prevenir gripes e resfriados, e de antocianinas, poderosos agentes antiinflamatórios.
As frutas vermelhas são fontes de vitamina C, um importante nutriente para prevenir gripes e resfriados, e de antocianinas, poderosos agentes anti-inflamatórios.

 

2 – Frutas cítricas
Devido ao seu alto teor de água, qualquer tipo de fruta cítrica fornece hidratação e eletrólitos para o organismo. Suas propriedades de combate à inflamação são encontradas na casca, no bagaço e suco. Por isso, pode aproveitar tudo!

3 – Alho e cebola
Esses famosos temperos, assim como alho-poró, o aspargo, o brócolis e as alcachofras, são deliciosas fontes de carboidratos de baixo teor calórico. Uma vez que esses alimentos não são totalmente digeridos no intestino, o material restante alimenta as chamadas bactérias boas, o que resulta em um funcionamento mais saudável do órgão. É por meio desse processo que elas estimulam o sistema imunológico e diminuem a inflamação.

4 – Óleo de peixe
O óleo é uma das principais fontes de ômega-3, ácido graxo que ajuda a reduzir a inflamação. Por isso, é um produto que deve ser consumido por quem sofre com doenças inflamatórias como artrite, artrite reumatóide e dores nas articulações em geral.

5 – Folhas verdes
Couve e espinafre são vegetais com folhas de cor verde-escuro que merecem entrar na dieta por conter alcalinizantes que ajudam a equilibrar o pH do corpo. Ao diminuir a acidez do organismo, o risco de inflamação cai. Por isso, vale apostar no suco verde para fortalecer o sistema imunológico.

Couve e espinafre são vegetais com folhas de cor verde-escuro que merecem entrar na dieta por conter alcalinizantes que ajudam a equilibrar o pH do corpo.
Couve e espinafre são vegetais com folhas de cor verde-escuro que merecem entrar na dieta por conter alcalinizantes que ajudam a equilibrar o pH do corpo.

6 – Ovos
Muitos médicos consideram o ovo um “alimento perfeito”. As substâncias antioxidantes, como as vitaminas A, D, E e K, selênio, magnésio, zinco, ferro, cálcio e manganês dão ao ovo o poder de combater o envelhecimento precoce das células, afastando o aparecimento de rugas, além de reduzir o risco de doenças crônicas como hipertensão. A sugestão é dar preferência aos orgânicos.

7 – Gengibre
Esse é um importante remédio natural com propriedades antioxidantes e antiinflamatórias. Por isso, é um aliado para aliviar dores causadas pela artrite e para diminuir sintomas de infecções respiratórias, tosse, asma e bronquite.

8 – Nozes e amêndoas
Outras fontes naturais de ômega-3, o que faz dessas oleaginosas boas combatentes de dores nas articulações e de inflamações.

9 – Abóbora
A abóbora é fonte de beta-caroteno, substância que ajuda no combate de inflamações da pele e dos pulmões. O alimento ainda possui antioxidantes que combatem os radicais livres.

10 – Carne orgânica
Os animais alimentados com plantas são mais saudáveis. Consequentemente, a sua carne oferece maior valor nutricional. Na verdade, galinhas, porcos, cordeiros e vacas criados em pasto têm níveis mais elevados de ácidos graxos como ômega-3 e substâncias antiinflamatórias do que os bichos alimentados com milho e ração.

Na verdade, galinhas, porcos, cordeiros e vacas criados em pasto têm níveis mais elevados de ácidos graxos como ômega-3 e substâncias antiinflamatórias do que os bichos alimentados com milho e ração.
Na verdade, galinhas, porcos, cordeiros e vacas criados em pasto têm níveis mais elevados de ácidos graxos como ômega-3 e substâncias anti-inflamatórias do que os bichos alimentados com milho e ração.

Nos ajude a levar essas informações importantes para quem precisa! Compartilhe com os amigos!

Deixe uma resposta